Procedimentos técnicos do PoP-BA

PR-069 - Procedimento de Documentação Física da Rede
Data Criação:
Data Revisão:

1. Objetivo

Esse documento tem por objetivo informar, passo a passo, todas as ações necessárias para a atualização da documentação da topologia física da rede do PoP-BA. Esse procedimento deverá ser seguido toda vez que a rede física seja alterada, seja essa alteração referente à inclusão de um novo cabeamento, remoção de uma ligação, adição de novo equipamento, etc.

2. Descrição das etapas

A documentação da rede física do PoP que inclui equipamentos da rede, informações de cabeamento e endereçamento, encontram-se na intranet do PoP no endereço que se segue: TopologiaPoP

As seguintes alterações físicas da rede, sempre que forem realizadas, deverão ser refletidas na documentação:
  • Ligação de um novo cabo entre portas dos equipamentos;
  • Mudança de portas entre uma ligação física pré-existente;
  • Remoção de uma ligação física;
  • Inclusão de um novo equipamento na rede;
  • Remoção de um novo equipamento na rede;
  • Criação de uma nova máquina virtual no servidor (excluídas as máquinas para testes);
  • Desativação de uma máquina virtual;
  • Adição de um novo servidor na rede;
  • Desativação de um servidor;

Nesse momento o PoP-BA ainda apresenta como único documento de descrição da topologia física da rede um arquivo de extensão .vsd, extensão salva pelo Microsoft Visio (ferramenta proprietária da Microsoft). Futuramente será criado também um documento para ferramentas de código aberto. A idéia inicial é que a ferramenta aberta a ser utilizada seja o "Dia" e que futuramente passemos seja tomada a decisão de utilizá-la exclusivamente ou em paralelo com a ferramenta Visio.

Além da necessidade de documentar as alterações físicas ainda resta uma outra documentação importantíssima a ser feita. Trata-se da descrição das ligações nas interfaces dos equipamentos.

É necessários criar a boa prática de estar atualizando a descrição das interfaces dos roteadores e switches. Essa descrição deve ser, na medida do possível, o mais informativa possível. Deve-se informar pelo menos duas informações:

  • O equipamento ao qual aquela porta está ligada fisicamente;
  • A identificação da porta à qual este enlace físico está ligado no outro dispositivo;

Essas informações deverão ser inseridas em ambos os enlaces nas situações em que dois equipamentos de rede que permitam a descrição das interfaces estejam conectados. Essa boa prática irá poupar o usuário de ter de ir fisicamente inspecionar em que porta cada cabo está conectada e também, naquelas situações em que é inviável a realização dessa inspeção por conta de uma das pontas dos enlaces não estar localizada no PoP-BA. Essa boa prática deverá ser estendida para os roteadores na ponta dos clientes os quais o PoP-BA tenha acesso e gerência.

3. Documentos Relacionados

4. Referências Externas